VERSÍCULOS DA BIBLIA

MUNDO

Preparem-se para uma longa ofensiva, diz premiê israelense

O premiê de Israel, Benjamin Netanyahu, disse em pronunciamento na TV nesta segunda-feira que os israelenses devem "se preparar para uma campanha prolongada" contra o Hamas na faixa de Gaza.

O pronunciamento ocorreu no dia de maior número de vítimas civis em Israel desde o início da ofensiva em 8 de julho. Disparos de morteiros a partir de Gaza deixaram 4 mortos e ao menos 8 feridos no sul de Israel.
Ampliar


Morte de jovens reacende conflito entre Israel e Palestina317 fotos312 / 317
29.jul.2014 - Disparos de um tanque israelense atingiram nesta terça-feira o depósito de combustível da única usina de energia da faixa de Gaza, interrompendo o suprimento de eletricidade Leia mais Mahmud Hams/AFP

Em Gaza, o bombardeio de um parque e de um hospital matou 10 pessoas, nove delas crianças. De acordo com autoridades palestinas, o bombardeio partiu das forças israelenses; de acordo com Israel, o autor dos disparos foi o próprio Hamas, por um erro.

"Hoje é um dia difícil e doloroso", disse Netanyahu, segundo o jornal "Haaretz".

O premiê afirmou, porém, que a operação não terá fim enquanto todos os túneis usados pelo Hamas em Gaza não forem "neutralizados". "Temos de nos preparar para uma operação que ainda vai levar tempo."
Ampliar


Crianças sofrem com ataques israelenses à faixa de Gaza33 fotos28 / 33
28.jul.2014 - Crianças palestinas brincam no pátio de uma escola das Nações Unidas (ONU) em Jabalia, no norte da faixa de Gaza, onde se refugiaram com sua família após ter a casa bombardeada pelo Exército israelense. Um menino de quatro anos de idade morreu durante um ataque com tanques, no norte da faixa de Gaza, sendo a primeira morte desde que os dois lados começaram a tentar uma trégua não oficial, segundo os médicos palestinos Magmud Hams/AFP

O Exército de Israel enviou SMS e panfletos a moradores de bairros norte de Gaza, alertando-os para que deixem suas casas imediatamente, o que sugere que um aumento das ações militares é iminente.

Gaza vivia um dia de relativa calma, com uma espécie de trégua informal em respeito ao Eid al-Fitr, feriado que marca o fim do Ramadã, o mês sagrado do islã.

Os ataques ocorreram momentos após o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, reiterar seu pedido pelo fim imediato da violência em Gaza, afirmando que a situação no território palestino é "crítica".

Começada há três semanas, a ofensiva em Gaza já deixou mais de mil mortos, a maioria civis palestinos. Do lado israelense, 43 soldados e 6 civis foram mortos, além de um tailandês. (Com agências internacionais)

você pode gostar de:

evangelico
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

BRASILEIRÃO

Tabela gerada por Central Brasileirão

PREGAÇÕES

Loading...
Loading...